Bolonhesa ou alho e óleo?

Fosse qual fosse a escolha, o paroquiano tinha uma certeza: o sabor seria inigualável e insuperável.

Isso porque já é de muito tempo conhecida a qualidade da macarronada vicentina que a cada ano se repete sem ser sempre a mesma.

E exatamente por isso o salão paroquial sempre se enche de convidados que além de saborear as deliciosas massas preparadas com carinho, também podem se divertir com o animado bingo que sucede a refeição.

Este ano não foi diferente. Os próprios vicentinos da Conferência Santa Maria Alacoque, nos dias que antecederam o domingo dia 28 de agosto de 2016, se empenharam na produção do macarrão e da lasanha oferecidos em generosas porções a todos os presentes, muitos dos quais só se satisfaziam após repetirem mais de uma vez a delícia.

Sendo dessa forma, não é de se estranhar que todos saiam na tarde de domingo já torcendo e esperando o mesmo evento do ano que vem.

Fonte: PASCOM Santa Teresinha

Deixe seu comentário

Este espaço destina-se a comentários sobre o texto acima.

Para obtenção de informações, clique aqui




*

(*)campos obrigatórios.